Warning: include_once(/home/lanuxland/lanux.com.br/wp-content/plugins/wordpress-support/wordpress-support.php): failed to open stream: Permission denied in /home/lanuxland/lanux.com.br/wp-settings.php on line 212

Warning: include_once(): Failed opening '/home/lanuxland/lanux.com.br/wp-content/plugins/wordpress-support/wordpress-support.php' for inclusion (include_path='.:/usr/local/lib/php:/usr/local/php5/lib/pear') in /home/lanuxland/lanux.com.br/wp-settings.php on line 212
// LanuxLand 101 » 2006 » October
Too lazy to be ambitious, I let the world take care of itself. Ten days' worth of rice in my bag; a bundle of twigs by the fireplace. Why chatter about delusion and enlightenment? Listening to the night rain on my roof, I sit comfortably, with both legs stretched out. - Zen Master Ryokan (1758–1831)

Have yourself a sweet song

Posted: October 9th, 2006 | Author: | Filed under: Textos | 4 Comments »

É assim.

Interrogacão em old garamond na porta da geladeira – e o mar percebe que tem gente que o entendeu.

Porque pensar é aquela coisa interessante e desnecessária de sempre. Quando a gente arruma tempo pra se dar conta, tudo faz sentido nessa vida.

- Olha lá que bonito, Marquinhos…
- Pai…
- Viu que bonito, filho?
- Pai…
- Sim?
- Como a gente consegue explicar que entendeu o pensamento?
- Explicar?
- É…
- Explicar é uma coisa tão limitada, filho…

Começo de calmaria a frente, devo dizer. Pronto. Quem não gosta de brisa, que se atire na primeira pedra.


Time is no longer necessary

Posted: October 1st, 2006 | Author: | Filed under: Textos | 3 Comments »

Vida mansa, Mateus. Sei qual é…

A gente faz, faz, e nem sinal… mundo doido, rapaz… mas mundo.

Se bem que, olhando de cá, é sempre assim, não é não? Esse povo pensa tudo errado, vê tudo errado… a gente sabe tão pouco da vida da gente, quanto mais da dos outros…

- Deixa quieto, homem bom. É assim que tem que ser. Tu já não cansaste de ver a mesma história não? Sério. Olha o mundo, olha lá há quanto tempo…

Quando não se tem nada mais pra carregar a gente faz o que?

Senta.